Make your own free website on Tripod.com
 
Documanteção de DSELECT para iniciantes [Debian 1.3.1]
Este arquivo documenta Dselect para usuários de primeira viagem e é destinado a ajudar na instalação com sucesso de Debian. Não tem a intenção de explicar tudo, deste modo, quando você encontrar dselect pela primeira vez, trabalhe pelas telas de ajuda.

Dselect é usado para somente selecionar quais pacotes (de~1100) você deseja instalar. Ele rodará para você durante a instalação e é algo um tanto complexo e muito poderoso, algum conhecimento anterior dele não se perderá. Ele o guiará pelo processo de instalação de pacotes como segue:

            Escolha o método de acesso para usar.
            Atualiza lista de pacotes disponíveis, se possível.
            Requisita quais pacotes você quer em seu sistema.
            Instala e atualiza pacotes desejados.
            Configura quaisquer pacotes que não estejam configurados.
            Remove software indesejável.
 

 
Conforme cada passo seja completado com sucesso ele o conduzirá ao próximo. Prossiga na ordem sem pular qualquer passo.

Aqui e ali neste documento nós falamos de iniciar outro shell. Linux possui 6 sessões de console ou shells disponíveis a qualquer hora. Você alterna entre eles teclando <ALT-ESQUERDO> <F1>  ... <F6>, depois do que você faz o login em seu novo shell e continua. O shell usado pelo processo de instalação é o #1 então aperte <ALT-ESQUERDO> <F1> quando você quiser retornar àquele processo.

Uma vez em dselect você terá esta tela:-

Debian Linux `dselect' package handling front end.

0.  [A]ccess  Choose the access method to use. 
1.  [U]pdate  Update list of available packages, if possible. 
2   [S]elect  Request which packages you want on your system.
3.  [I]nstall Install and upgrade wanted packages. 
4.  [C]onfig  Configure any packages that are unconfigured. 
5.  [R]emove  Remove unwanted software.
6.  [Q]uit    Quit dselect.
 Vamos olhá-los um por um.

0 Access:

Eis a tela de acesso:

dselect - list of access methods

Aqui nós dizemos a dselect onde nossos pacotes estão. Note que os primeiros três itens são somente uma comodidade e seriam como se você montasse seu cdrom, nfs ou outra partição você mesmo e então usasse a opção _mounted_  (montado). Esta segue que seu cdrom já _está_  montado, dessa forma você  usa o item _mounted_ , preferivelmente ao item cdrom. A mesma coisa acontece para nfs e para partições em seu disco rigido.

Se você concorre para um problema aqui - talvez Linux não pode ver seu cdrom, seu nfs não está trabalhando ou você esqueceu qual partição estão os pacotes - você tem um par de opções:-

  • Inicie outro shell. Corrija o problema e então retorne para o shell principal.
  • Saia de dselect e execute-o novamente mais tarde. Você pode ainda precisar desligar (shut down) o computador para  resolver algum problema. Isto é verdadeiramente correto mas quando retornar para dselect rode-o como root. Ele não executará automaticamente depois da primeira vez.

  •  

    Depois de escolher o método de acesso, dselect pedirá para você indicar a localização precisa dos pacotes. Se você não conseguir isto direito na primeira vez aperte ^C e retorne ao item Access.

    Depois de passar por aqui você retornará para a tela principal.



     

    1 Update

    Dselect lerá os arquivos Packages ou Packages.gz do mirror e criará um banco de dados em seu sistema  de todos os pacotes disponíveis.
     

    2 Select

    Pendure seu chapéu. Aqui é onde tudo acontece. O objetivo do exercício é selecionar apenas quais pacotes você deseja ter
    instalado.

    Aperte <Enter>. Se você possui uma máquina lenta esteja ciente que a tela limpará e poderá permanecer vazia por 15 segundos assim não inicie uma surra de teclas neste momento.

    A primeira coisa que surge na tela é a  página 1 do arquivo Help. Você pode chegar a esta ajuda apertando ? em qualquer ponto nas telas de Select e pode paginar pelas telas apertando a tecla . (full stop)

    Antes de você se aprofundar observe estes pontos:

  • Para sair da tela de Select depois que todas as seleções estiverem completas, aperte <Enter>. Isto fará você retornar para  a tela principal se não houver problema com sua seleção. Além disso será exigido que você lide com aquele problema. Quando estiver satisfeito com toda tela oferecida aperte <Enter> para sair.
  • _Problemas_ são bem normais e são esperados. Se você selecionar o pacote A e aquele pacote requerer o pacote B para funcionar, então dselect o advertirá  do problema e na maioria das vezes sugerirá uma solução. Se o pacote A conflita com o pacote B (eles são mutuamente exclusivos) será solicitado para você decidir entre eles.
  • Vamos olhar para as duas linhas superiores da tela de Select.

    dselect - main package listing (avail.,priority)               mark:+/=/- verbose:v help:? 
    EIOM Pri Section Package Description
    Isto fala-nos de algumas teclas especiais:-
    +      Seleciona um pacote para instalação.
    =      Coloca um pacote em segurança - útil em um pacote "quebrado". Você pode reinstalar uma
           versão mais antiga e colocá-la em segurança enquanto aguarda uma nova aparecer.
    -      Remove um pacote
    _      Remove um pacote e seus arquivos de configuração.
    i,I    Altera o modo de exibição de informação.
    o,O    Troca a ordem de ordenação.
    v, V   Alterna entre apresentação sucinta/detalhista. Use esta tecla para explicar os signifi-
           cados de EIOM na linha dois, mas eu lhe darei um resumo aqui de qualquer jeito. (Note
           que teclas maiúsculas e minúsculas são bem diferentes no efeito.)
    Flag   Significado            Valores possíveis
    E      Erro                   Espaço, R, I
    I      Estado da instalação   Espaço, *, -, U, C, I
    O      Marca antiga           *, -, =, _, n
    M      Marca                  *, -, =, _, n


    O trecho abaixo foi colocado por mim.
    Valores possíveis em cada Flag:
    E - Erro
    Espaço = sem erro (mas o pacote pode estar em modo "quebrado" - veja abaixo)
    R      = erro grave durante a instalação, precisa reinstalar
    I - Estado da instalação
    
    Espaço = não instalado
    *      = instalado
    -      = não instalado mas os arquivos de configuração permanecem
    
    Pacotes nos estados abaixo estão "quebrados":
    U      = desempacotado mas ainda não configurado
    C      = configurado pela metade (um erro aconteceu)
    I      = instalado pela metade (um erro aconteceu)
    
    O - Marca antiga
    
    O que foi pedido para o pacote antes da apresentação da lista de pacotes.
    Veja abaixo os significados dos valores para este flag que são os mesmos do
    flag M - Marca. 
    
    M - Marca
    
    O que é pedido para o pacote.
    *            = marcado para instalação ou upgrade
    -            = marcado para remoção mas os arquivos de configuração permanecerão
    =            = em segurança. Pacote não será processado no todo
    _ (underline)= marcado completamente para expurgo. Remove ainda arquivos de configuração
    n            = pacote é novo e precisa ainda ser marcado para instalação/remoção


    Melhor que soletrar tudo isto, eu o encaminho para as telas de Ajuda onde tudo é revelado. Um exemplo no entanto. Você entra em dselect e encontra uma  linha como esta:-
    EIOM Pri  Section  Package   Description 
      ** Opt  misc     loadlin   a loader (running under DOS) for LINUX kernel
    Isto está dizendo que loadlin foi selecionado quando você rodou dselect por último e que está ainda selecionado, porém não está instalado. Por quê não? A resposta deve ser que o pacote loadlin não está fisicamente disponível. Está faltando de seu mirror.

    A informação que dselect usa para conseguir todos os pacotes instalados corretamente está inserida nos próprios pacotes. Nada neste mundo é perfeito e algumas vezes acontece que as dependências construídas no pacote estão incorretas, com o resultado que dselect simplesmente não pode resolver a situação. Uma saída está providenciada, onde o usuário pode recuperar o controle, e toma a forma dos comandos Q e X que estão disponíveis na tela de Select.

    Q   Força dselect ignorar a construção nas dependências e fazer o que você especificou.
        Os resultados, naturalmente, serão por sua própria conta.
    X   Use X se você ficar totalmente perdido. Coloca as coisas de volta ao que estavam e sai.
    As teclas que o ajudam a _não_ ficar perdido (!) são R, U e D.
    R   Cancela todas as seleções neste nível. Não afeta seleções feitas em um nível anterior.
    U   Se dselect propôs mudanças e você também fez mudanças U restaurará as seleções de dselect.
    D   Remove as seleções feitas por dselect, deixando somente as suas.
    Um exemplo:

    O pacote boot-floppies depende destes pacotes:-
    libc5-pic
    ncurses3.0-pic
    mkrboot
    ncurses3.0-dev

    A pessoa que mantém boot-floppies também pensa que os seguintes pacotes devem estar instalados. Estes não são, entretanto, essenciais:-

    loadlin
    fdos
    dosemu
    Dessa forma quando eu selecione boot-flopies eu consigo esta tela:
    dselect - recursive package listing mark:             +/=/- verbose:v help:?
    EIOM Pri Section Package Description
    
      _* Opt devel boot-floppie Scripts to create the Debian installationfloppy
      _* Xtt devel libc5-pic Kit for building specialized versions of the sha
      _* Xtr devel ncurses3.0-p Video termial manipulation: Shared-library subs
      _* Opt devel mkrboot Make a kernel + rootimage bootable from one disk
      _* Opt devel ncurses3.0-d Video terminal manipulation: Developer's librari
      _* Opt misc loadlin a loader (running under DOS) for LINUX kernel i
      _* Opt misc fdos Free DOS (Kernel + boot utilities + Documentatio 
      __ Opt misc dosemu The Linux DOS Emulator
    Veja como todos os pacotes requeridos foram selecionados para mim.
    A tecla R devolve as coisas ao ponto de partida.
    dselect - recursive package listing mark:             +/=/- verbose:v help:?
    EIOM Pri Section Package Description
      __ Opt devel boot-floppie Scripts to create the Debian installationfloppy
      __ Xtt devel libc5-pic Kit for building specialized versions of the sha
      __ Xtr devel ncurses3.0-p Video termial manipulation: Shared-library subs
      __ Opt devel mkrboot Make a kernel + rootimage bootable from one disk
      __ Opt devel ncurses3.0-d Video terminal manipulation: Developer's librari
      __ Opt misc loadlin a loader (running under DOS) for LINUX kernel i
      __ Opt misc fdos Free DOS (Kernel + boot utilities + Documentatio
      __ Opt misc dosemu The Linux DOS Emulator
    (Se eu decidir agora que eu não quero boot-floppies eu somente aperto <Enter>.)

    A tecla D coloca as coisas no modo que eu selecionei em primeiro lugar.

    dselect - recursive package listing mark:             +/=/- verbose:v help:?
    EIOM Pri Section Package Description
      _* Opt devel boot-floppie Scripts to create the Debian installation floppy
      __ Xtt devel libc5-pic Kit for building specialized versions of the sha
      __ Xtr devel ncurses3.0-p Video termial manipulation: Shared-library subs
      __ Opt devel mkrboot Make a kernel + rootimage bootable from one disk
      __ Opt devel ncurses3.0-d Video terminal manipulation: Developer's librari
      __ Opt misc loadlin a loader (running under DOS) for LINUX kernel 
      __ Opt misc fdos Free DOS (Kernel + boot utilities + Documentatio
      __ Opt misc dosemu The Linux DOS Emulator
    A tecla U restaura as seleções de dselect.
    dselect - recursive package listing mark:            +/=/- verbose:v help:?
    EIOM Pri Section Package Description
      _* Opt devel boot-floppie Scripts to create the Debian installation floppy 
      _* Xtt devel libc5-pic Kit for building specialized versions of the sha
      _* Xtr devel ncurses3.0-p Video termial manipulation: Shared-library subs
      _* Opt devel mkrboot Make a kernel + rootimage bootable from one disk
      _* Opt devel ncurses3.0-d Video terminal manipulation: Developer's librari
      _* Opt misc loadlin a loader (running under DOS) for LINUX kernel i
      _* Opt misc fdos Free DOS (Kernel + boot utilities + Documentatio
      __ Opt misc dosemu The Linux DOS Emulator
    Por ora eu sugiro a execução com os defaults - você terá ampla oportunidade de acrescentar mais tarde. Uma possível exceção a qual você pode escolher ao invés de dselect dependendo de sua experiência é:-
    emacs (muito grande, nem todo mundo quer)
    E eu não sugeriria instalar:
    inn    (grande, difícil para continuar)
    x11    (grande, difícil para continuar)
    Qualquer que você decidir, aperte <Enter> para aceitar e retornar à tela principal. Se isto resultar em problemas não resolvidos você será levado de volta para outra tela de resolução do problema.

    Deste modo as teclas R, U e D são muito úteis em certas situações. Você pode experimentar a vontade e depois restaurar tudo e iniciar novamente. Não olhe para elas como sendo uma caixa de vidro chamada  Break In Emergency. (Quebre em Emergência)

    Depois que fizer suas seleções na tela de Select, aperte I para você conseguir uma janela grande, t para ir ao inicio e então use a tecla page-down para olhar rapidamente pelas configurações. Desta forma você pode verificar os resultados de seu trabalho e descobrir erros notórios. Algumas pessoas desfizeram a seleção de grupos inteiros de pacotes por engano e não inteiraram-se do erro até mais tarde. Dselect é uma ferramenta _muito_ poderosa então não a use errado.

    Você deve agora ter esta situação:-

    categoria do pacote                 status
    
    REQ = required   (requerido)        todo selecionado
    IMP = important  (importante)       todo selecionado
    STD = standard   (padrão)           maior parte selecionado
    OPT = optional   (opcional)         maior parte selecionado
    XTR = extra      (extra)            maior parte selecionado
    Feliz? Aperte <Enter> para sair do processo Select. Você pode voltar e rodar Select novamente se desejar.
     

    3 Install

    Dselect roda 1100 pacotes inteiros e instala aqueles selecionados. Espere ser questionado para tomar decisões conforme você prossiga. É frequentemente útil alternar para um shell diferente para comparar uma configuração velha com uma nova. Se o arquivo velho é conf.modules o novo será conf.modules.dpkg-new.

    A tela rolará bastante rápido em uma máquina nova. Você pode parar/iniciar com ^S/^Q e no fim da execução você receberá uma lista dos pacotes não instalados. Se você quiser manter um registro de tudo que acontece use features normais de Unix como tee ou script.

    Pode acontecer que um pacote não seja instalado porque depende de algum outro pacote que é listado para a instalação porém ainda não está instalado. A resposta aqui é rodar Install novamente. Casos foram informados onde era necessário rodá-lo 4 vezes antes que tudo ficasse certo.


     4 Configure

    A maioria dos pacotes conseguem ser configurados no passo 3, mas alguma coisa pendente pode ser configurada aqui.


    5 Remove

    Remove pacotes que estão instalados mas não são mais necessários.
     

    6 Quit

    Sugiro rodar /etc/cron.daily/find neste ponto conforme você tenha muitos novos arquivos em seu sistema. Assim você pode usar locate para conseguir a localização de qualquer arquivo.



    Algumas sugestões na conclusão.

    Quando o processo de instalação roda dselect para você, você sem dúvida estará ávido para conseguir Debian rodando tão logo quanto possível. Bem, por favor esteja preparado para tomar aproximadamente uma hora ou menos conforme tenha que aprender sua maneira e então consegui-lo direito. Quando você entra na tela de Select pela primeira vez não faça QUAISQUER seleções ao todo - somente aperte <Enter> e veja quais problemas de dependências  existem . Tente corrigi-los. Se você achar por si mesmo volte para a tela principal e rode Select novamente.

    Você pode obter uma idéia do tamanho de um pacote apertando i duas vezes e procurando a figura Size. Isto é o tamanho do pacote comprimido, desta forma os arquivos descomprimidos serão bastante maiores.

    Instalar um novo sistema Debian é uma coisa muito complexa, mas dselect pode fazê-lo para você  tão facilmente quanto pode ser. Sendo assim, tome o tempo para aprender como guiá-lo. Leia as telas de ajuda e experimente com i, I, o, e O. Use a tecla R. Está tudo lá, mas está à altura para você usá-lo eficientemente.



    Glossário:

    Pacote
    Um arquivo que contém tudo o necessário para instalar, desinstalar e executar um programa em particular.

    O programa que manipula pacotes é dpkg. Dselect é um gerenciador para dpkg. Usuários experientes frequentemente usam dpkg para instalar ou remover um pacote.
     

    Nomes de pacotes
    Todos os nomes de pacote possuem o formato xxxxxxxxxxx.deb

    Exemplo de nomes de pacotes são:
    efax_08a-1.deb
    lrzsz_0.12b-1.deb
    mgetty_0.99.2-6.deb
    minicom_1.75-1.deb
    term_2.3.5-5.deb
    uucp_1.06.1-2.deb
    uutraf_1.1-1.deb
    xringd_1.10-2.deb
    xtel_3.1-2.deb


    Tradução:
    Fernando Cesar Carreira - fcar@universe.com.br